EXCLUSIVO:PM encontra homem com LSD, droga pouco conhecida em Floriano

Na noite de ontem(23) durante uma abordagem policial no bairro Manguinha, mais precisamente no Morro do Abrão, policiais militares encontraram dois elementos suspeitos e ao procederem com uma revista minuciosa foi encontrada um tipo de droga de nome LSD, que representa uma novidade em termos de apreensão em nossa cidade. A PM conduziu os dois para a Central de Flagrantes onde foram identificados como  José Rodrigues Neto, vulgo cabeça de fogo, 22 anos e Max Alisson Fernandes Venâncio.

WhatsApp Image 2019 08 24 at 13.50.16

LSD dificilmente apreendida em Floriano. (Imagem:Divulgação)

A aprensão desse tipo de droga causou surpresa para alguns policiais que só conheciam esse tipo de entorpecente em demonstrações na TV ou internet. Políciais civils com 20 e 30 anos de serviço admitiram que nunca tinham visto aquele tipo de droga e quando eles acionaram a delegada de plantão, o Max Alisson Fernandes assumiu ser o proprietário das 31 cartelas do entorpecente e o seu parceiro foi liberado. Momentos depois ele começou a sofrer alucinações, vendo pessoas que estariam lhe perseguindo e sentindo muita sede. Nossa reportagem conversou com o Sargento Ricardo Rodrigues que conseguiu identificar a droga que pode ser confundida com pequenos selos postais. O experiente militar enviou ao Portal jc24horas, o resultado de uma pesquisa que ele fez na internet sobre esse produto que possivelmente seja capaz de matar mais rápido do que qualquer outro entorpecente. Confira a entrevista com o diligente Sargento Ricardo e em seguida o resultado de sua pesquisa sobre o LSD.

O LSD pode provocar ilusões, alucinações (auditivas e visuais), grande sensibilidade sensorial (cores mais brilhantes, percepção de sons imperceptíveis), sinestesias, experiências místicas, flashbacks, paranoia, alteração da noção temporal e espacial, confusão, pensamento desordenado, despersonalização, perda do controle emocional, sentimento de bem-estar, experiências de êxtase, euforia alternada com angústia, pânico, ansiedade, dificuldade de concentração, perturbações da memória, desvario causado por uma “viagem ruim” (bad trip). Poderão ainda ocorrer náuseas, dilatação das pupilas, aumento da pressão arterial e do ritmo cardíaco, debilidade motora, sonolência e aumento da temperatura corporal durante a atividade da droga. Esses efeitos são atribuídos à alteração temporária do sistema nervoso central e não à ação da substância sobre a massa corpórea como um todo.

Informações Portal JC 24 Horas