EM BARÃO DE GRAJAÚ, POLÍCIA CIVIL CUMPRE MANDADO POR ESTUPRO DE VULNERÁVEL

Um trabalho realizado nesta quinta-feira (4), a Polícia Civil do Maranhão, conseguiu executar na cidade de Barão de Grajaú, o mandado de prisão contra Delimar dos Santos Bezerra, condenado a 12 anos pelo crime de estupro de vulnerável, crime este ocorrido na cidade tocantinense de Filadélfia. A prisão foi coordenada por homens da Polícia Civil do município Barão do Grajaú sob auxilio das autoridades policiais do Tocantins.De acordo com as investigações, o condenado encontrava-se foragindo há anos e após troca de informações entre as Policias Judiciárias, foi constatado que o mesmo encontrava-se residindo em Barão de Grajaú. Após dois dias de campanha na residência do condenado, foi possível executar a prisão.Após a ciência do teor do mandado na Delegacia de Barão de Grajaú, o condenado foi encaminhado para a Unidade Prisional e de Ressocialização (UPR/ São João dos Patos), para que inicie o cumprimento da sanção penal imposta.

Informações imirante-Leandro Noleto