Preso em Imperatriz acusado de agredir e matar o humorista “Ricardo Bomba” no Pará; veja vídeo da briga

Hilton Filho foi preso, nessa segunda-feira (06), em Imperatriz, e deve ser transferido para Belém. Advogado de Defesa afirma que orientou cliente a manter silêncio durante depoimentos. Crime ocorreu no dia 1º de maio no bairro do Coqueiro, em Belém.

Hilton Soares Souza Filho, conhecido como Hiltinho, foi preso nesta segunda-feira (6) em uma pousada localizada na cidade de Imperatriz, no Maranhão. Ele é suspeito de ter participado da briga que resultou na morte do ator e humorista Ricardo Sena de Macedo Soares, de 37 anos, conhecido como “Ricardo Bomba”.
O humorista morreu no dia 1º de maio, após bater a cabeça durante uma briga, no bairro do Coqueiro, em Belém. A vítima, que trabalhava em um programa de TV, chegou a ser levada para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Icoaraci, mas não resistiu aos ferimentos.
De acordo com a Polícia Civil, um mandado de prisão por lesão corporal, seguido de morte foi expedido pela Justiça do Pará para o suspeito, que foi detido pela Polícia Militar do Maranhão. O suspeito deve ser transferido para Belém assim que for emitida a autorização judicial
O advogado de Hilton Souza Filho, Breno Brasil, disse que ainda não teve como conversar pessoalmente com seu cliente. Segundo ele, Hilton foi orientado a manter-se em silêncio em todo interrogatório que seja submetido.

A prisão
De acordo com informações da polícia do Maranhão, o Serviço de Inteligência do 3º BPM, comandando pelo tenente Carlos, recebeu a informação que Hilton Soares Souza Filho estaria escondido na cidade de Imperatriz, a fim de evitar o cumprimento de ordem judicial de prisão em seu desfavor.
Ele é acusado do crime de lesão corporal seguido de morte (art. 129, parágrafo 3º, do CPB) do ator e comediante paraense Ricardo Soares, após uma briga entre as partes no estado do Pará, fato ocorrido no último dia 1º, tratando-se de um crime de grande comoção social.
O conduzido foi localizado, abordado, devidamente identificado e, sem oferecer resistência, encaminhado à Delegacia de Polícia Civil para as devidas providências e sem lesões corporais.

Entenda
Segundo a Polícia Civil, Ricardo Bomba estava bebendo com amigos na praça do conjunto Pedro Teixeira e se envolveu em uma briga com um homem ainda não identificado.
Um vídeo, mostra o momento da briga envolvendo o ator e um homem. Diversas pessoas aparecem e não interferem. O humorista cai e desmaia ao bater a cabeça no chão. O homem, então, chega a dar dois chutes em Ricardo, até ser contido pelas pessoas que estavam no local.
Durante o velório, familiares lamentaram as circunstâncias do crime e o fato da briga não ter sido apartada pelos presentes.
Alguns dos presentes já prestaram depoimentos e a polícia fazia buscas pelo suspeito que aparece no vídeo dando o último soco que resultou na queda e, posterior, morte de Ricardo Bomba.
Com informações do G1 PA