Junho Vermelho reforça a importância da doação de sangue

Maranhão Saúde

Junho Vermelho reforça a importância da doação de sangue

No país, 1,8% da população doa sangue, meta da OMS é 3%.

IMPERATRIZ – Junho “Vermelho” levanta uma bandeira importante para a sociedade ao frisar a importância de doação de sangue. Dia 14 do mês é celebrado o Dia Mundial do Doador de Sangue, dia que homenageia quem já é doador e busca conscientizar cada vez mais pessoas. A data, criada por uma iniciativa da Organização Mundial de Saúde (OMS), homenageia Karl Landsteiner (14 de junho de 1868 – 26 de junho de 1943), um imunologista austríaco que descobriu o fator Rh e as diferenças entre os diversos tipos sanguíneos.

A doação de sangue é vital em várias situações da vida humana, tanto em intervenções programadas, quanto em momentos de emergência e urgência, como desastres naturais e acidentes. Ela ajuda pacientes que têm doenças crônicas graves e terminais a viverem por mais tempo, além de ser um necessário apoio para procedimentos médicos e cirurgias complexas, como as cirurgias tradicionais da coluna e ortopédicas.

O especialista em coluna e cirurgião, Doutor André Pagotto, explica que “existe uma necessidade grande de sangue em muitas cirurgias, por isso é importante ter uma consciência de doação. Pois, muitas vezes, a falta de sangue pode levar um paciente grave a óbito” explica.

Em Imperatriz, o Centro de Hematologia e Hemoterapia do Maranhão (Hemomar) e o Hospital Municipal (Socorrão), estão sempre alertando a população para a importância de manter os bancos de sangue com bom estoque. Para ser um doador, o homem ou a mulher precisam se enquadrar em alguns requisitos:



• Ter entre 16 e 68 anos;



• Ter acima de 50 quilos;



• Não ter Hepatite B, Hepatite C, Doença de Chagas, Sífilis, AIDS (HIV), HTLV;



• Estar bem alimentado e descansado;



• Aguardar entre 90 e 180 dias após o parto para mulheres grávidas;



• Se estiver gripado, esperar no mínimo 7 dias após a recuperação para poder doar;



• Após uma doação, as mulheres devem esperar 90 dias para doar novamente, enquanto os homens devem esperar 60 dias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *